::Erros de Dublagem::

Captain Tsubasa teve muitas falhas na dublagem brasileira, alguns erros até dá pra deixar passar , mas existem alguns erros tão grandes, que você iria preferir assistir legendado ou em japonês. Veja só alguns erros da dublagem brasileira.

Captain Tsubasa J

A dublagem brasileira foi feita pela Gota Mágica:

- Muitas vezes, o narrador não fala o nome do episódio.

- Flashbacks trazem conversas diferentes das que realmente aconteceram.

- Segundo a dublagem, o Japão tenta se classificar para a Copa do Mundo, mas no original o Japão tenta chegar ao World Youth, que é o Mundial juvenil sub-19.

- Na dublagem Genzo Wakabayashi ficou Benji Wkabayashi. Mas lee é chamado de Genzo em vez de Benji.

- Devido a má qualidade da dublagem muitas vezes, os personagens mexem a boca mas não sai voz.

- Nankatsu x Shimada. Os visitantes estão vencendo por 2 a 0, mas o Nankatsu diminui com um gol. Só que o narrador dá um belo grito de que o jogo está empatado! Eu acho que isso é falta de atenção ou ... de inteligência?

- O narrador dos jogos sempre grita em suas narrações "Torcida Brasileira", mas como todos sabem a história se passa no Japão. É não dá pra entender porque quiseram abrasileirar a série.

- Várias vezes quando um personagem vai começar uma frase ele grita "Chuta" mesmo se a bola não estiver em jogo. Isso é muito difícil de entender, até parece que o desenho foi traduzido por alguém que nem tinha terminado a escola de língua japonesa ainda...

Captain Tsubasa Road to 2002

A dublagem brasileira foi feita pelo Studio Gabia:

- Logo no início da série, trocaram alguns dubladores.

- Trocaram até os nomes dos personagens: Kojiro Hyuga virou Kojiro Huega, Shingo Aoi virou Shingo Oau.

- No inicio da série, os personagens tinha os mesmos nomes da série J (Oliver Tsubasa, Benji Wakabayashi, Carlos Misaki...), mas no meio do anime resolveram adotar os nomes japoneses (Tsubasa Ozora, Taro Misaki, Genzo Wakabayashi...)

- Alguns erros de Captain Tsubasa J, como mexer a boca sem sair a voz e falar chute sem motivo, também foram cometidos em Road to 2002, mas esses podem passar despercebidos por que ocorreram rapidamente e não se repetiram...

- Algumas vezes também os personagens trocam a voz.

- Em um episódio, os jogadores do Japão estão no vestiário depois de um empte contra a Holanda, e en quanto falam de seus objetivos, erradamente Ishizaki chama Wakashimazu de Wakabayashi.